O biquini cintura alta, que foi sucesso lá nos anos 70, voltou com tudo à moda praia de hoje, se espalhando entre as blogueiras e celebridades mais badaladas. Porém, antes de comprar o seu, é importante pesar os prós e contras desta tendência.

Biquini cintura alta, usar ou não usar?

Em termos de conforto, não há dúvidas que o biquini de cintura alta abstrai totalmente a preocupação em acabar perdendo a parte debaixo quando estiver dentro da água, oferecendo assim maior liberdade de movimentos na mesma. Isso é ótimo, não? E sem falar que deixa a silhueta alongada, por esconder uma parte da barriga e destacar as pernas, fazendo com que essas pareçam maiores do que realmente são – e as mulheres baixinhas agradecem! Quanto às gordurinhas indesejadas, essa tendência também pode ser uma excelente aliada para quem não conseguiu manter uma dieta, obtendo um determinado resultado, já que eles também as escondem, e não o tal do marcam culote.

Porém, para as mulheres que são loucas por tomar sol, e não abrem mão daquele lindo bronzeado, e especialmente da marquinha, o biquini cintura alta se transforma num pesadelo. Isso porque ficar exposta ao sol com ele deixará uma marca como se fosse de um short. Outra coisa seria os olhares que essa tendência ainda atrai, já que para algumas pessoas, ela ainda é um tanto estranha, enquanto outras acham lindo. Ou seja, para quem não gosta de chamar a atenção neste aspecto, melhor mesmo esquecer, e usar os modelos mais tradicionais.

E vocês, de qual lado estão, em relação o biquini cintura alta? Usam ou não?


Você também pode gostar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *